livros

Resenha: Divergente

Oi oi galerinha, tudo bem com vocês?

Hoje trago uma resenha do primeiro livro dessa trilogia, que é Divergente, então vamos começar 🙂

♦ Título original: Divergentdivergente

♦ Autor: Veronica Roth

♦ Editora: Rocco

♦ Número de páginas: 502

Sinopse: 

Uma versão futurista da cidade de Chicago. A sociedade se divide em cinco facções: Abnegação, Amizade, Audácia, Erudição e Franqueza. Quando os jovens completam dezesseis anos, ocorre uma cerimônia de iniciação, onde são submetidos a uma simulação, que faz com que eles escolham a facção que passarão o resto de suas vidas.

Beatrice tem dezesseis anos e está prestes a realizar essa cerimônia de iniciação. O resultado a surpreende, o que faz com que ela tenha que escolher entre sua família e o que ela realmente é.

Durante o seu processo de iniciação, ela muda seu nome para Tris. Uma nova vida está a caminho, onde Tris tem que decidir em quem confiar e, quem são seus verdadeiros amigos. Ela acaba vivendo um romance no meio disso tudo, com um cara que pode ser encantador mas ao mesmo tempo perturbador. Mas Tris ainda guarda um segredo, que mantém escondido de todos, pois isso poderia levá-la a morte.

Entretanto, um conflito ainda maior está por vir, que traz junto de si um segredo, que pode acabar destruindo esta sociedade “perfeita”. E ao descobrir isso, Tris percebe que o seu segredo, o qual ela guarda para si mesma, pode salvar aqueles que ela ama ou também destruí-los.

♦ Minha opinião

A história é bem envolvente e eletrizante, principalmente no final. Adorei essa ideia da sociedade ser dividida em facções e de cada uma ter seus princípios e suas divisões, até mesmo para as cores das roupas (só não sei se isso realmente daria certo rs). O que eu tenho a dizer é que a capa é maravilhosa, a diagramação também é muito boa (isso acaba facilitando um pouco a leitura), e se você aí, gosta de uma distopia e está procurando algo do tipo, leia Divergente!

♦ As facções

tumblr_n2z3ojIQ3a1s487sho1_500

“Há décadas, nossos antepassados perceberam que a culpa por um mundo em guerra não poderia ser atribuída à ideologia política, à crença religiosa, à raça ou ao nacionalismo. Eles concluíram, no entanto, que a culpa estava na personalidade humana, na inclinação humana para o mal, seja qual for sua forma. Dividiram-se em facções que procuravam erradicar essas qualidades que acreditavam ser responsáveis pela desordem do mundo.

Os que culpavam a agressividade formaram a Amizade.

Os que culpavam a ignorância se tornaram a Erudição.

Os que culpavam a duplicidade fundaram a Franqueza.

Os que culpavam o egoísmo geraram a Abnegação.

E os que culpavam a covardia se juntaram à Audácia.”

♦ Algumas marcações…

“- Eu ignoro o medo- diz ele- Ao tomar decisões, finjo que ele não existe.” (página 156)

” Acredito nos atos simples de bravura, na coragem que leva uma pessoa a se levantar em defesa da outra.” (página 219)

” – E você já conseguiu superar esse medo?

– Ainda não. Talvez eu nunca supere.

-Então, eles não vão embora?

– Às vezes não. E às vezes são apenas substituídos por novos medos. Mas o objetivo não é perder o medo. Isso seria impossível. Aprender a controlar seu medo e libertar-se dele é o verdadeiro objetivo.” (página 251).

♦  Trailer do filme 

♦ Onde comprar

fanfiction-divergente-fover-dauntless-1324724,201120131444

Espero que tenham gostado, e deixem nos comentários se já leram o livro e o que acharam 🙂

Beijos ❤

Anúncios

8 comentários em “Resenha: Divergente

  1. Olá Nat !! Gosto muito da maneira que você escreve. Eu fiz o contrário, eu vi o filme primeiro. Confesso que eu não tinha muito interesse, mas falaram tanto que resolvi dar uma chance. Gostei muito do livro, mas aí, dia desses lá no facebook, olhando a página do Skoob , vi um spoiler que me deixou IRRITADA demais, então parei com a série. Mas eu volto, um dia, quem sabe. Beijos!!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oiee! Awwn 😍 muito obrigada. Eu ainda não vi o filme, mas o livro eu adorei mesmo! Apesar de ter ficado um pouco irritada com uma coisa no segundo, que logo terá resenha aqui, decidi continuar com a série hehe. Quem sabe um dia você volte né ☺️
      Beijos! 😘

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s